quinta-feira, março 15, 2012

RMVB ou AVI ? Saiba qual escolher !

Bem, resolvi criar este artigo com a intenção de finalmente deixar claro qual a melhor escolha, RMVB ou Avi.
História do AVI:
O Formato criado pela Microsoft com a melhor qualidade de imagem comparado a qualquer um inventado até hoje com exceção do MKV(Blu-Ray),compatível com a maioria dos reprodutores de vídeo.
História do RMVB:
Criado pelos Chineses, tinha o objetivo somente de enviar vídeo pela internet, e não os reproduzir.Este formato cujo objetivo prático, não fui bem aceito pelos internautas de 5 anos atrás, e com a chegado do Megaupload o gerenciador de arquivos mais conceituado dos últimos tempos, dava até 1 Giga de espaço para o uploaders, por isso as pessoas optavam mais por AVI por ser sinônimo de qualidade.
Infelizmente depois do fim do Megaupload, boa parte dos filmes foram perdidos na internet, e gerando mais panico dentre os sites de gerenciamento de arquivos, deste modo ocasionou a marcação intensa por filmes piratas, para não ocorrer o mesmo que havia ocorrido com o Mega.Fazendo com que os sites de downloads de filmes, tivessem poucas outras escolhas ( e não confiáveis ), essas escolhas eram de gerenciadores que na sua maioria não ofereciam pouco mais de 300 Mb de espaço, fazendo com que muitos filmes em AVI fossem partidos em vários links, ocasionando a lentidão dos downloads dos filmes em AVI.
Sendo assim, os filmes em RMVB que são muito mais leves do que os filmes em formato de AVI.
Mas então fica a dúvida, qual é o melhor tendo as duas opções ?
Baseado nesta dúvida a equipe Link Zero criou um teste para identificar qual é sua melhor opção baseado em você !

Se a maioria das suas respostas foram a letra
A -
Opte por baixar filmes em AVI, pois sua internet é de alta velocidade e você não precisa se preocupar com o tempo dos downloads !
Se a maioria das suas respostas foram a letra
B-
Opte por baixar filmes de madrugada, caso deseje baixar em AVI, mas lembre-se caso não tenha tempo de baixar use um Gerenciador de Downloads como o Orbit.

Nenhum comentário:

Postar um comentário